Nutrição do Cavalo Atleta
agosto 13, 2011
Como aparecem as Lesões!
agosto 18, 2011
Ver Tudo

Cinesioterapia

Tratamento realizado com exercícios. • Geralmente estabelecida numa fase posterior ao restabelecimento da lesão tratada.

Estabelecer exercícios para que o animal ganhe equilíbrio e postura correta (reeducação proprioceptiva). • Utiliza o próprio local onde o animal está instalado para conduzir os exercícios. • Quando necessário realizar os mesmos montados.

Exercícios Ativos: o Livre = Realizado pelo próprio paciente. o Assistido = Ajuda do profissional. o Resistido = Resistência aplicada pelo profissional.

Envolve técnica de alongamento. • Fortalecimento muscular com ou sem peso. • Exercícios para melhorar amplitude articular e propriocepção. • Trabalhos com guia, com ou sem rédeas específicas.

• Exercícios com rampa. • Andadores circulares. • Trabalhos com cavaletes. • Pistas de propriocepção.

Indicações: • Contraturas e Aderências. • Flacidez muscular. • Reequilíbrio. • EPM. • Pós-consolidação de fraturas. • Fortalecimentos específicos.

Exercício assistido pelo veterinário com o auxilio de aparelhos, tábuas de equilíbrio, caneleiras e faixas para reeducar a coordenação e o equilíbrio em animais com doenças neurológicas e/ou ortopédicas.

Os exercícios terapêuticos devem ser planejados de acordo com a fase da recuperação da lesão do aparelho locomotor. O objetivo é poupar a área lesada nas fases iniciais e promover adaptação gradativa da estrutura lesada nas fases seguintes.
Há várias formas de exercícios terapêuticos que podem ser realizadas:

 

  • Exercícios de equitação: onde sob o comando do cavaleiro, o animal realizará exercícios para alongar ou fortalecer áreas específicas. Por exemplo: passo alongado, rampas, cavaletes, etc.
  • Exercícios na guia: a guia pode ser utilizada para flexibilidade da coluna e para concentrar mais carga do lado medial ou lateral, conforme a direção.
  • Exercícios resistidos: com a utilização de bandas elásticas (látex)
  • Trabalhar com o próprio peso do animal para direcionar a carga para o membro desejado
  •  Trabalhar com pesos aderidos aos membros (esta técnica pode ser utilizada em casos específicos e mesmo assim com restrições quanto ao tempo e número de sessões).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *